Fazendas de Cafe do Vale do Paraíba O que os inventários relevam (1817 - 1915)

Cód:
R$ 1,00
Quantidade:

    Descrição

    Um retrato do imperador com moldura rica; clavinotes; bacamartes; trabucos; porcelanas; máquinas para socar e beneficiar cafe; senzalas para escravos casados e senzalas para escravos solteiros. Estes são apenas alguns dos bens listados nos inventários dos senhores do cafe da região do Vale do Paraíba- no interior de São Paulo. Coletados em uma extensa pesquisa- eles foram organizados no livro “Fazendas de Cafe do Vale do Paraíba: O Que os Inventários Revelam”- publicado pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo por meio da Unidade de Preservação do Patrimônio Histórico e do Condephaat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico- Arqueológico- Artístico e Turístico do Estado. O livro e resultado de uma extensa pesquisa- empreendida por Carlos Eugênio Marcondes de Moura- nos anos 1974/1975- quando foram registrados 190 inventários de propriedades rurais localizadas no Vale do Paraíba- nos anos de 1817 a 1915. Na epoca- o pesquisador foi incumbido pela presidência do Condephaat de realizar o levantamento de uma ampla documentação- arquivada em cartórios regionais- relativa aos inventários dos proprietários das fazendas de cafe da região- que se estende dos atuais municípios de Bananal a Roseira- no Vale do Paraíba paulista.

    Avaliações dos Clientes

    NENHUMA AVALIAÇÃO. SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR!

    • Ótimo

      0%

    • Muito bom

      0%

    • Bom

      0%

    • Não gostei

      0%

    • Péssimo

      0%

    Avalie o produto